Açougue Central | Boas de Garfo
Steak tartare de patinho, com salada de folhas verdes e farofa de pão toscano (R$42)

Açougue Central

Certamente vocês já ouviram falar no chef Alex Atala. Pois bem, ele abriu há alguns meses um restaurante especializado em carnes, o Acougue Central, localizado na Vila Madalena. O local é muito bonito, seguindo o estilo meio “industrial-chic” com toques de concreto e metais, luminárias de aço, cozinha aberta e outros elementos sofisticados.

Logotipo do restaurante Acougue Central

Logotipo do restaurante Acougue Central

Salão principal - Acougue Central

Salão principal – Acougue Central

Cozinha aberta e mais detalhes

Cozinha aberta e mais detalhes

Detalhes do bar. Amamos esse caixa antigo!

Detalhes do bar. Amamos esse caixa antigo!

Conforme mencionado, a estrela são as carnes, mas o grande diferencial é que se encontra cortes que fogem do convencional. Destaque para o balcão que apresenta os cortes de carne que estão no cardápio, além de também alguns embalados a vácuo que estão à venda (todos fornecidos pela Beef Passion)

Cortes diferenciados

Cortes diferenciados

Cortes embalados à vácuo

Cortes embalados à vácuo

As carnes são divididas conforme a maneira de preparo: grelha, forno ou panela.

Estávamos morrendo de vontade de experimentar o steak tartare de patinho, com salada de folhas verdes e farofa de pão toscano (R$42). Estava deliciosamente temperado, bem geladinho e fresco. Adoramos o toque da farofa de pão ao invés das tradicionais torradinhas ou das batatas fritas mais engordativas. Super indicamos esse prato. Na verdade, está na secção de entrada mas dá para facilmente comer como prato principal.

Steak tartare de patinho, com salada de folhas verdes e farofa de pão toscano (R$42)

Steak tartare de patinho, com salada de folhas verdes e farofa de pão toscano (R$42)

Pedimos também o acém de 300g (R$21 cada 100g, ou seja, R$63), acompanhado por pupunha salteada na manteiga com cebola roxa e tomate cereja (R$30). A carne estava macia e saborosa mas realmente estávamos de olho no Tomahawk (R$15 cada 100 g, mínimo 1,4 kg) o carro-chefe da casa que mais parece um brontossauro e serve no mínimo 4 pessoas. O acompanhamento estava divino, pediríamos novamente sem pensar duas vezes.

Acém com pupunha salteada na manteiga com cebola roxa e tomate cereja

Acém com pupunha salteada na manteiga com cebola roxa e tomate cereja

Olha o Tomahawk, carro-chefe da casa! É gigantesco!!!

Olha o Tomahawk, carro-chefe da casa! É gigantesco!!!

Outro prato que parece muito requisitado pelo salão é o ossobuco com nhoque de batata na manteiga de sálvia (R$185 – serve 2-3 pessoas). Não resistimos e tiramos uma foto. Como estávamos em duas pessoas, nem pensamos em provar esse nem o Tomahawk, seria desperdício!

 Ossobuco com nhoque de batata na manteiga de sálvia (R$185 - serve 2-3 pessoas)

Ossobuco com nhoque de batata na manteiga de sálvia (R$185 – serve 2-3 pessoas)

Mas, é claro que não tinha jeito de pular a sobremesa. Pedimos o tartelette de chocolate (R$23), levemente amargo com recheio de doce de leite com uma camada fina de biscoito. Muito gostoso!

Tartelette de chocolate com doce de leite e camada fina de biscoito (R$23)

Tartelette de chocolate com doce de leite e camada fina de biscoito (R$23)

Mas o prêmio de melhor sobremesa com certeza ficou para o sagú com vinho tinto e creme inglês (R$23) – sabemos que não é todo mundo que gosta mas é realmente uma coisa de outro mundo! O Spot também serve um desses que sempre pedimos! Muito, muito gostoso.

Sagú com vinho tinto e creme inglês (R$23)

Sagú com vinho tinto e creme inglês (R$23)

Concluindo, a experiência em si foi bacana – o ambiente é lindo, a comida é gostosa, mas com certeza queremos voltar em um grupo maior para poder provar os melhores pratos da casa. A única coisa que a casa pecou foi no serviço – estava extremamente confuso, o que atrapalhou um pouco o almoço como um todo.

AÇOUGUE CENTRAL

Endereço: Rua Girassol, 384 – Vila Madalena – São Paulo
Telefone: (11) 3095-8800

AMBIENTE: Cool, descolado, com decór meio moderna e industrial.
SERVIÇO: Atrapalhado e devagar. Precisa melhorar!
CUSTO: Carinho, especialmente considerando que muitos cortes são cobrados pelo seu peso então fiquem atentos!
BOM PARA: Ir em um grupo de 4-6 pessoas para conseguir experimentar os pratos mais famosos da casa que são, em sua grande maioria, muito bem servidos,

 

 

Deixe seu comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

.